Avançar para o conteúdo principal

Mensagens

A mostrar mensagens de Novembro, 2009

Curtas acerca do mesmo

Nada de verdades definitivas, apenas coisas que penso quando vou no comboio meio a dormitar.
--> Amar é perceber que não se tem dúvidas sobre amar.

(Digo-vos já, por experiência própria e pela das de algumas pessoas que me são queridas, que é por vezes, daquelas certezas duras de se ter. )
--> Apesar de humana sou psicóloga. Por isso sei que a maioria (se não todas) as coincidências e acasos não são mais que profecias auto-confirmatórias. Apesar de psicóloga sou humana. E sendo humana sou espiritual. Por isso chateia-me à mesma. E penso muito nas coisas à mesma.E sinto e tal e tal e tal...


Retiro disto que quem tem mais profundidade para sentir o que é amar está muito mais atento aos "ses" desta vida. E são mais sinceros acerca deles.


E vou-me calar que para primeiro post à séria sobre este digníssimo tema já falei de modo muito parvo sem dizer grande coisa que preste.
Espiral
p.s. porque é que eu não tenho umas musas a inspirar-me?




Como eu também sei pedinchar (ou não)

Olha, andam todos os blogs a colocar os livros que querem para o Natal? Dos 1001 ( e não exagero) que até gostava, ressalva-se este. Para eu babar um bocadinho....

Espiral

Seven

Quero ser assim todos os dias... há dias que falham... especialmente na primeira, na terceira e e na sétima.
Espiral

Mood III

Eu nunca tive mais azar que muitos. O azar quando bate à porta é tramado. E eu, azar nunca tive. Mas a sorte também se esqueceu de onde eu moro. Não me importava muito com isso se o mérito contasse. Se a determinação contasse. Se a inteligência e a força contassem. Mas nem por isso. Se não temos sorte, o resto é como se não existisse.
Mas de um modo ou de outro acabo sempre por ser, não optimista (nunca fui), mas resiliente. E por isso a "coragem bebe-se até de um copo vazio."- Hoje nem vejo o copo. Mas ele tem que estar aí.




Espiral

Frases daquelas X

"E soube ainda, no meio de todas estas imagens, cheio de perguntas e dominado pelos seus ritmos, que jamais te faria uma pergunta com "Amas-me?" ou "Em que pensas neste momento?"
Actor, O jogo das perguntas
Do fantástico Peter Handke...
Espiral