Avançar para o conteúdo principal

24

Cu cu. Só para dizer que continuo aqui =). Resistente.
...
Olá 24. Só para variar tenta fazer o teu melhor que eu também vou tentar =). Mas pronto, caso me tragas algumas coisinhas chatas, eu gosto de ti à mesma. 

Espiral


p.s. Podia agradecer a todos os que me apoiaram este ano (e desconfio que é o que vou fazer), que me sorriram, que me puseram a rir  quando eu só queria chorar. Que me arrastaram para festas e para bubas quando eu só queria ficar a um cantinho. Para quem disse que eu conseguia acabar uma porcaria de uma tese (mas para isso leiam os meus agradecimentos da mono, que é a única coisa decente que tá lá). Para as pessoas que conheci nos entretantos. Que são incríveis. Que já fazem parte de mim. Agradecer às pessoas que fizeram parte da minha vida e que por cá continuam. Agradecer a quem acreditou em mim quando eu não acreditei. À minha familía, aos meus amigos. Porque foi um ano cheio de sangue, suor e lágrimas. E tenho imenso orgulho nas pessoas que fizeram e farão parte deste caminho. Ao D. que é um dos meus maiores orgulhos, melhor amigo e lutador, à A. e à I.,  amigas que amo, que mantenham a felicidade que alcançaram, ao T., por sem saber, ter-me mostrado que eu sou valiosa, numa altura em que me sentia um trapo. À L., à T., à P. que me ouviram sempre. À S. que tenha coragem, porque dias melhores virão. 
E a todos os outros (iria passar por quase todas as letras do alfabeto, menos para aí o X) que me acompanharam este ano, voltem sempre. Hoje, a caminhada continua. =)

p.s.2 lição de ontem --> acabar o que começas ou pelos vistos os confrontos não são assim tão maus =)

p.s3 e correndo o risco de me repetir: Viva o meu grupo de Londres (tuga time!!!!) =) viva o gogga! Viva a Takeaway e Aquela do cabaret! viva o Porto! (cidade não clube, que eu sou muito vermelha), Viva Porto Côvo (grande catarse, ò A. fartaste-te de trabalhar!). Viva a praia da Comporta! Viva todas as praias! Viva as tretas! Viva os cafés giros! Viva a amizade! Viva o amor! Viva a paixão! E viva todos os meus amigos =)




Comentários

X disse…
Sua p***, ai de mim não tens nada para dizer?!
Z. disse…
E eu quem sou?
Mawi disse…
E viva Tu, Sónia... Obrigado por estares aqui. Que 24 prometa tanto quanto mereces, tanto quanto o que celebras do 23 - e pelo menos outro tanto mais. Overdose em coisas boas. E que nós amigos estejamos cá para partilhar ;) *
Y disse…
(sim o X. não interessa mesmo a ninguém... enjoadinho de m***a, mau feitio!)
Anónimo disse…
Venham os 24, 25, 26 e por aí fora, eu vou estar sempre aqui. Porque tu Sónia, és para a vida toda.

Espero que este ano seja como mereces: cheio de emoções, cheio de coração.

Um beijinho grande :)

A.

Mensagens populares deste blogue

Eu nunca liguei muito a isto, mas...

Sou só eu que acho um bocadinho escandaloso que as marcas façam apenas 3/4 tamanhos de roupa?
Estive a ver a Zara e pelo menos nos macacões, só tem 4 tamanho - XS, S, M, L respectivamente.
Tendo em conta que eu tenho 1,68 e peso 60 kilos e que o meu tamanho é um M penso nas pessoas que tem um bocadinho mais de peso que eu e que são um bocado mais altas.. o que fazem elas?

De salientar que tenho uma estrutura regular, vulgo forma ampulheta, com ancas e rabo e, para mal dos meus pecados, pernas grossas (não há ginásio ou corridinha que me salve). Ou seja mesmo com menos 4 kilos, onde fico com 56, o que muita gente consideraria magro ou pelo menos normal-magra, uso à mesma o M e calças pelo menos 38. Por isso, serio, como fazem as pessoas um bocadinho maiores? E nem falo das pessoas realmente gordas, falo só das pessoas que são mais fortes porque sim, porque nasceram assim, é constituição e pronto.

Nem todas as mulheres são estrutura rectângulo  vestem roupas como se fossem cabides,  ess…

Ando a ler imenso

E a voltar ao meu ritmo normal de leitura para ao fim do ano ler o meu normal (entre 100 a 140 livros, sim isto é o meu normal, com excepção feita ao tempo de faculdade em que lia cerca de 60 por ano). .
Adoro ler e felizmente apesar de não poder comprar todos os que gostaria aproveito tanto  feira do livro, onde na hora H (livros a 50%) deste ano comprei mais de 11 livros, que já li quase todos.
Para além disso sou assídua frequentadora de bibliotecas, sendo a minha favorita a Fábrica das Palavras em Vila Franca. É uma biblioteca recente e muito bonita arquitectonicamente, que tem tanto os clássicos como as últimas novidades, o que é uma grande vantagem pois raramente compro novidades devido ao preço. Ao mesmo tempo e fantástico para descobrir autores que não conheceríamos de outra forma: por exemplo li recentemente um livre da Patti Smith  que adorei e nunca teria dado com ele de outra maneira.  Tenho o hábito de escolher não só livros que quero ler mas também livros ao acaso. Dá qu…

Pergunto

Como é que se pode perceber com tanta convicção, com tanta certeza, tão intensamente, que existem grandes histórias de amor, que dolorosamente, não são para acontecer?