quinta-feira, novembro 29, 2012

Das descobertas.

Até há pouco tempo acreditava que a maior força que existe era a força do amor.

Crédula, inocente, ingénua.

A maior força que existe é a força da crença no amor.


2 comentários:

Anónimo disse...

Não acho que exista muita diferença. Abraço.
Pedro Ferreira.

Espiral disse...

Pedro,

Eu também não. Até sentir a diferença. =)

Like a boss

Portanto, daqui a 10 anos gostaria  estar num tal nível que faria e trataria como meus secretários particulares, o presidente português de u...