sexta-feira, novembro 16, 2012

Olá Parcas...

Preciso sempre de (sentir) crueldade para pôr um fim.

E é isso.

1 comentário:

Anónimo disse...

Percebo o que dizes, e melhores dias virão, com certeza.

Um abraço

Pedro Ferreira.

A conversa do coitadinho*

O que me irrita nem é a falta de empatia, a falta de mundo (no sentido de juizo crítico acerca dos outros), nem sequer é a vitimização irrit...