Quickribbon Espiral: Momentos que ficam

sábado, setembro 05, 2009

Momentos que ficam

Ontem passava eu na praça da figueira às 21h00, em passo apressado para ir apanhar a boleia para um jantar de amigos quando ouço uma voz de criança a dizer alto. "Lua!! Anda cáaaaa" . Viro-me e vejo um miúdo ao colo da mãe, que também atravessava a praça da Figueira a pé, com os braços estendidos em direcção ao céu. E continuava, num tom alto e doce "Luaaaaaaa! Anda cá!!!".

Olhei o céu e estava uma lua fantástica. Juro, juro que também queria uma lua assim para mim. Tenho é vergonha de pedir como ele.

Espiral

2 comentários:

Nikky disse...

Acho que há uma espécie de "fé" em que conseguimos tudo e que vamos perdendo à medida que crescemos...

Espiral disse...

Sim, mas o mais triste é que ao perder essa podemos eventualmente não nos aventurar a sonhar, e a ter vergonha disso...