Quickribbon Espiral: O peixe morre pela boca

quinta-feira, setembro 10, 2009

O peixe morre pela boca

No Verão passado no fim de um jogo de futebol realizado por uns amigos, a que fui assistir, estava no meio do campo a conversar com umas amigas. Como era Verão estava de vestido e sandálias abertas. A bola do jogo estava mesmo perto de nós e um amigo que estava do outro lado do campo grita "Sónia, chuta aí." obviamente a brincar. Obviamente que eu chuto a bola. Um bom chuto. Que me deixou com os pés cheios de sangue. Da unha que se partiu. Não devia ter chutado a bola.

Eu sou assim. Em tudo. Mas é uma boa analogia com as coisas que eu digo. Deveria estar muitas vezes calada. Mas acho que é de família estas calinadas. O meu querido primo direito também as tem boas. Estamos muito orgulhosos um do outro. Sempre é um conforto saber que as vergonhas não morrem sozinhas.

Espiral

Sem comentários: