segunda-feira, janeiro 09, 2012

Sobre aquilo que nos faz erguer

O amor é quase todo igual. O desamar também.

(Atentem ao uso de substantivo e ao uso do verbo. É intencional.)

Sem comentários:

Do que eu cresco, fragilizo, fortifico

Cada vez mais sou menos de frases peremptórias. Cada vez sou menos de classificar tudo em polaridades. Porque me parece superficial, e mais ...