Quickribbon Espiral: Das ideias românticas que temos ao ver filmes

sexta-feira, outubro 02, 2009

Das ideias românticas que temos ao ver filmes

Começei agora a ver um filme que já queria ver há muito tempo. "The painted veil".

E já me questiono, se hoje em dia ainda existem homens assim. Que se apaixonam, com certezas que aquela é a mulher que querem, e que lhe dizem "Só te quero fazer feliz." com convicção. Porque é aquela a mulher porque esperaram a vida toda.

Se calhar sim, e andam aí, se calhar não e isto só se encontra nos livros e nos filmes.

Espiral

Adenda: mas reflectindo um bocadinho, um homem que mal me conhecesse e me dissesse isso levava logo uma resposta do género "deves dizer isso a todas não é?" por isso eu também não sou bem como as mulheres dos filmes e dos livros...

3 comentários:

Pulha Garcia disse...

Escrito por Somerset Maugham ... o grande mestre.

Vana disse...

Gostava de saber como compatibilizas isso com o Bukowski que andas a ler... Eu prefiro o Bukowski! Porque esses homens que dizem essas coisas, sao sempre aqueles que eu nao quero (lembras-te de uma conversa recente?). Nao me apetece trabalhar... Nao gosto de escrever no meu blog, porque torna-se mais pessoal (e nao tenho acentos no teclado..). Posso roubar-te o teu? Tenho saudades tuas!

Espiral disse...

Pulha,

Tenho que ver se leio o senhor*

Vana,

Compatibilizo perfeitamente. O Bukowski escreve lindamente, aquilo lê-se super bem, e ele percebe imenso de relações complicadinhas, mas são aquelas relações complicadinhas que não davam para mim. E olha Vana, eu quero um homem que me dê atenção =). Escreve no blog, nem que seja para eu entender. (Sim lembro-me da conversa)

Tenho saudades tuas Lud*